Após seis meses, sua moto permanecer parada, mesmo com o tanque cheio, cuidado, ao sair com ela você pode ter a desagradável surpresa dela começar a falhar. Isso pode ser por causa da gasolina vencida.

[E para acontecer isso, não precisa ficar todo esse tempo parada, basta ser usada poucas vezes na semana, ou ligada poucas vezes. Mesmo que a bateria responda como deve, dando a partida no motor, o problema permanece na gasolina que ficou velha!

E por acaso você já ouviu alguém falar que gasolina tem prazo de validade? Não?!

Exatamente, pelo menos no Brasil, não se ouve comentários, nem matérias discutindo o assunto, que tenhamos conhecimento. Mesmo assim, especialistas no assunto confirmam que depois de 6 meses do combustível estar no reservatório, tanque, perde a qualidade, exceto claro, quando está em local próprio de armazenamento do produto, e infelizmente, não é dentro do tanque de uma moto!

Sabendo disso, o que eles recomendam é que o tempo máximo de permanência do combustível, dentro do tanque da moto, é de três meses, para aí sim começar a perder suas propriedades. Isso considerando que ela não seja combustível adulterado!

Para identificar se sua moto está com gasolina vencida, preste atenção nesses sintomas:

 

  • Demorar para dar partida, ou, nem pegar;
  • Quando estiver rodando, ocorrer falhas durante todo o percurso, o tempo inteiro;
  • Não responder nas arrancadas prontamente, engasgando e/ou dando soquinhos.

Se sua moto é carburada e apresenta sintomas de gasolina vencida, será necessário  desmontar e limpar todo o carburador e com ele o sistema. É essencial realizar esse limpeza, pois a gasolina vencida vai perdendo qualidade e se deteriorando, desprendendo e acumulando depósitos no fundo do tanque, criando um grude que vão entupindo as pequenas passagens dos giclês. Com isso, essa moto terá grandes dificuldade em dar a partida.

Esse problema não é privilégio exclusivo das motos carburadas, as motos com sistemas de injeção eletrônica também sofrem desse mal, só que conseguem dar a partida. No entanto, falham todo o tempo por causa da gasolina velha. No sistema de injeção eletrônica é mais simples de resolver, basta trocar a gasolina velha por um nova, aditivada.

Sempre é bom relembrar que a gasolina retirada do tanque de combustível da moto deve ser armazenada adequadamente, em tambores próprios que são vendidos em postos de combustíveis. Nunca devem ser descartadas no esgoto ou em qualquer outro lugar que não o correto, para tratamento deste resíduo. Pois, embora vencida continua inflamável, e ainda, prejudica o meio ambiente.

E, voltando as motos carburadas, aconselha-se a levá-las a um Centro Automotivo, para que seja cuidada por um profissional habilitado, evitando assim dor de cabeça futura.

Saiba como evitar desperdício que a gasolina da sua moto vença.

 

  • Se você vai deixar sua moto encostada mais de 15 dias, complete o tanque até a boca. Isso evita entrar ar no reservatório, e assim também evapora menos combustível, evitando a oxidação do líquido e o grude nos giclês;
  • Ao abastecer, sempre prefira gasolina aditivada, pois, ela possui aditivos antioxidantes que retardam o envelhecimento do combustível;
  • Caso sua moto fique mais de 2 meses parada, sem dar a partida, o melhor a fazer é não tentar ligar. Realize imediatamente a remoção da gasolina do tanque e complete com aditivada;
  • A moto que tem a válvula de combustível, o ideal é colocar na posição fechada e deixar o motor funcionar até apagar, dessa maneira vai secar o carburador, antes de parar a moto por um prazo indeterminado.

Dica GOLD: No caso da moto ficar estacionada por um longo período, prefira deixá-la em locais protegida do sol e da chuva, sempre coberta com capa própria. Evite estacionamentos de terra, o pó acumulado durante a estadia também pode trazer problemas!

E vale a pena repetir esse último tópico:

  •  A moto que tem a torneira de combustível, antes de parar a moto por um prazo indeterminado, o ideal é colocar na posição fechada e deixar o motor funcionar até apagar, dessa maneira vai secar o carburador.

 

 

Nota
Imagens meramente ilustrativas.
Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da Hulk Equipamentos Automotivos Ltda ou do criador original do material, estas imagens foram coletadas de diversas fontes públicas, incluindo sites diferentes, considerando a possibilidade de estar em domínio público. Se alguém tiver qualquer objecção à exibição de qualquer imagem ou notícias, deve trazer ao nosso conhecimento através do e-mail (contato). O mesmo será removido imediatamente, após verificação do crédito. Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser de propriedade de outras empresas.
Declinamos toda e qualquer responsabilidade legal advinda da utilização das informações acessadas nos nossos sites que tem por objetivo a divulgação de informação, diversão e educação dos interessados. Medidas tomadas pelos usuários são de sua inteira responsabilidade. Reiteramos que orientamos sempre a consultar e seguir as instruções presentes no manual do proprietário do seu veículo.