Todo mundo sabe que existem 3 tipos de óleo automotivos (mineral, semi-sintético e sintético). Entretanto, são poucas pessoas que sabem qual a real diferença entre eles. Curiosamente, é exatamente a composição de cada óleo que tornam eles diferente entre si!

Existem dois componentes principais em todo óleo lubrificante: o óleo de base (muitas vezes chamado de basestock) e os aditivos. (OBS: não confundir com óleo combustível).

Óleo lubrificante é composto essencialmente pelo basestock, sendo constituído por inúmeros tipos de hidrocarbonetos de cadeia longa (alifáticos e aromáticos, de 15 a 50 carbonos), aditivos de lubrificação, alguns metais (alumínio, bário, fósforo, zinco e arsênico, dentre outros) e outros diversos compostos orgânicos e inorgânicos variados (sendo alguns bem tóxicos como benzeno, tolueno, xileno e etilbenzeno).

Os hidrocarbonetos são as moléculas que dão a propriedade lubrificante ao óleo é é constituído por cadeias de átomos de carbono e hidrogênio ligados em série, quanto maior a cadeia de carbono, mais o óleo é viscoso/sólido

Os aditivos melhoram ainda mais as qualidades positivas e procuram minimizar as características negativas que possam existir num determinado basestock. Os principais aditivos utilizados são: anti-corrosivos, anti-espumantes, detergente-dispersante, melhoradores do Índice de Viscosidade e agentes de extrema pressão. O óleo mineral segue exatamente esse conceito.

  • Óleo Mineral

O óleo mineral é refinado do petróleo bruto, extraído de poços naturais subterrâneos e têm sido utilizado como  lubrificante desde o desenvolvimento dos primeiros veículos automotores, no começo do século XX . Depois que o óleo é recuperado, são realizadas várias etapas de purificação no refino para melhorar sua qualidades de  lubrificação. Normalmente apresenta muito mais elemento contaminantes que o sintético e o semi-sintético.

  • Óleos Sintéticos

Os óleos sintéticos são obtidos por reação química, tanto de base mineral como base vegetal, havendo assim maior controle em sua fabricação, permitindo a obtenção de vários tipos de cadeia molecular, com diferenças características físico-químicas e por isso são produtos mais puros.

  • Óleos Semi-sintéticos

Os óleos semi-sintéticos ou de base sintética, empregam mistura em proporções variáveis de básicos minerais e sintéticos, buscando reunir as melhores propriedades de cada tipo, associando a otimização de custo, uma vez que as matérias-primas sintéticas possuem custo muito elevado.

Nota Imagens meramente ilustrativas. Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da Hulk Equipamentos Automotivos Ltda ou do criador original do material, estas imagens foram coletadas de diversas fontes públicas, incluindo sites diferentes, considerando a possibilidade de estar em domínio público. Se alguém tiver qualquer objecção à exibição de qualquer imagem ou notícias, deve trazer ao nosso conhecimento através do e-mail (contato). O mesmo será removido imediatamente, após verificação do crédito. Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser de propriedade de outras empresas. Declinamos toda e qualquer responsabilidade legal advinda da utilização das informações acessadas nos nossos sites que tem por objetivo a divulgação de informação, diversão e educação dos interessados. Medidas tomadas pelos usuários são de sua inteira responsabilidade. Reiteramos que orientamos sempre a consultar e seguir as instruções presentes no manual do proprietário do seu veículo.